Pesquisa

Reunimos trabalhos que dialogam com os mais diversos tipos de fontes (jornais, panfletos, periódicos, regulamentos, processos cíveis e criminais, correspondências oficiais, ocorrências, petições, cartas etc.) que visibilizam as ações e experiências dos sujeitos das classes populares (homens e mulheres livres, libertos e escravizados, suas relações de gênero, compadrio, práticas de sobrevivência e resistência, busca pela liberdade, revoltas e demais formas sociabilidades), das elites (suas relações de redes, práticas políticas, e de controle), assim como as instituições, os sujeitos que as compõem, suas práticas burocráticas e as relações construídas com o meio.