Título Notícias Mestrados e Doutorados

null História Unicap: a comunidade rural como protagonista da história

Publicado Por: Mariano Vicente

Por Isabella Ferreira (estagiária)

Em sua 15ª edição, a revista História Unicap traz o tema: “Comunidades e Camponeses. Mudança Social e Mobilização Coletiva em Sociedades Rurais”. O conteúdo destaca o protagonismo da população campesina e também faz “um apelo para continuarmos a pensar sobre a comunidade”, segundo o documento de apresentação da publicação, escrito pelo doutor da Universidade Columbia, Lisandro Cañon, e a pesquisadora Alba Diaz, da Universidade de Santiago Compostela.

O periódico semestral, de acesso livre, do Programa de Pós-Graduação em História (PPGH) da Universidade Católica de Pernambuco, traz na composição de seu Dossiê 7 artigos de pesquisas que abordam diferentes perspectivas sobre como pensar essas coletividades. Como por exemplo, o estudo conduzido pelo doutor em antropologia social, Alejandro Diez Hurtado, da Pontifícia Universidade Católica do Peru, intitulado "Comunidade negada. O reconhecimento estatal como constitutivo da comunidade indígena-camponesa. Análise de casos de não reconhecimento na Serra Central do Peru”.

Na comunidade, o meio ambiente, os recursos, os bens pertencem a todos, é um mundo aberto. Capacidade de trabalho é o que todos proporcionam, o coletivo: a comunidade.

(Alba Diaz e Lisandro Cañon)

 

“Trabalho com a questão das comunidades camponesas e indígenas há mais de 20 anos. Eu analisei tanto a teoria quanto a casuística de comunidades em várias áreas do Peru, fazendo análises históricas e etnográficas”, conta Alejandro. Ao longo de sua pesquisa, ele aponta como o reconhecimento das comunidades indígenas enquanto ser jurídico, a partir do estado, foi um marco em prol dos direitos à terra e, principalmente, na defesa dos territórios pertencentes a essas populações.  

O objetivo é mostrar como comunidades, que são tidas como “uma simples articulação, estão se tornando cada vez mais mediadas e complexas", argumentam os pesquisadores, Lisandro Cañon e Alba Diaz, no texto de apresentação, em tradução livre. Por sua vez, as mudanças ocorridas nas realidades das sociedades estudadas enquanto observa-se a incidência de vários fatores de articulação do corpo social, é um ponto crítico para compreender sociedades existentes ou futuras. Você pode conferir tanto a pesquisa do Dr. Alejandro, como as outras pesquisas que não foram mencionadas aqui, no portal de periódicos da Unicap, na revista História Unicap.

Gostei.
Compartilhar

Título Notícias Acontece na Unicap

Publicador de Conteúdos e Mídias

DestaqueSite.png

UNICAP abre Edital NEaD 2021/02 para contratação de professores conteudistas EaD

A Universidade Católica de Pernambuco, por meio do Núcleo de Educação a Distância, abre EDITAL DE SELEÇÃO DE PROFESSORES AUTORES (CONTEUDISTAS) HOME OFFICE,...

A Universidade Católica de Pernambuco, por meio do Núcleo de Educação a Distância, abre EDITAL DE SELEÇÃO DE...

Capturar.png

Conferência do Professor Pe. Mário de França Miranda abre a XXV Semana Teológica da Unicap

A Sinodalidade da Igreja: desafios e perspectivas é o tema da XXV Semana Teológica da Unicap, que teve início na tarde desta terça-feira (21), com...

A Sinodalidade da Igreja: desafios e perspectivas é o tema da XXV Semana Teológica da Unicap, que teve início na...

Logo Semana Teológica.jpeg

XXV SEMANA TEOLÓGICA DA UNICAP

A SINODALIDADE NA IGREJA: DESAFIOS E PERSPECTIVAS (21 a 23 de setembro 2021) Apresentação Como afirma o Documento da Comissão Teológica Internacional...

A SINODALIDADE NA IGREJA: DESAFIOS E PERSPECTIVAS (21 a 23 de setembro 2021) Apresentação Como afirma o Documento...

PADRE LUCIO.png

8ª Semana Socioambiental da Unicap discute preservação da Mata Atlântica 

A Universidade Católica de Pernambuco, por meio do Instituto Humanitas Unicap (IHU), promoveu a 8ª edição da Semana Socioambiental. O evento, realizado entre...

A Universidade Católica de Pernambuco, por meio do Instituto Humanitas Unicap (IHU), promoveu a 8ª edição da Semana...