MPF e Unicap promovem seminários virtuais sobre o procurador Pedro Jorge - Unicap

Título Notícias

null MPF e Unicap promovem seminários virtuais sobre o procurador Pedro Jorge

Publicado Por: Francisco Ribeiro

21, 22 e 23 de março de 2022

 

Luta por direitos humanos, combate à corrupção e a importância do Ministério Público para a sociedade. Esses serão alguns assuntos abordados nos seminários virtuais “Vida por Justiça: 40 anos sem Pedro Jorge”, que acontecerão nos dias 21, 22 e 23 deste mês, sempre a partir das 10h. Os encontros, promovidos pelo Ministério Público Federal (MPF) na 5ª Região e pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), integram a série de homenagens à memória do procurador da República Pedro Jorge de Melo e Silva, assassinado em 3 de março de 1982, após denunciar o episódio que ficou conhecido como “Escândalo da Mandioca”, esquema de desvio de recursos públicos ocorrido em Floresta, no Sertão de Pernambuco. Para participar, basta acessar a plataforma YouTube no canal da Unicap (youtube.com/unicapvideo). Não é preciso realizar inscrição.

A abertura do evento, no dia 21, será realizada pelo procurador-chefe do MPF na 5ª Região, Rafael Ribeiro Nogueira Filho, e pelo reitor da Unicap, padre Pedro Rubens de Oliveira. Logo depois, haverá debate sobre o tema “O legado de Pedro Jorge para o Ministério Público e a sociedade”. Participarão como palestrantes Aristides Junqueira, ex-procurador-geral da República, atuou no processo contra os assassinos de Pedro Jorge; Dom Fernando Saburido, arcebispo de Olinda e Recife, conviveu com o procurador na época em que ele atuava como advogado do Mosteiro de São Bento de Olinda e Roberta Viegas, filha de Pedro Jorge.

No dia 22, o tema será “O documentário Pedro Jorge: uma vida pela justiça e a promoção do debate sobre direitos humanos”. Durante o seminário, serão relatados os bastidores da produção do filme, o reflexo do assassinato dentro e fora do MPF e como o episódio instigou a discussão sobre direitos humanos na época da Ditadura Militar. O debate contará com os palestrantes professor Manoel Moraes, da Cátedra de Direitos Humanos Unesco/Unicap Dom Hélder Câmara; Letícia Lins, jornalista que cobriu o Escândalo da Mandioca e o assassinato de Pedro Jorge; e Frei Marcelo Barros, monge beneditino que foi colega de seminário de Pedro Jorge. A mediadora do encontro será Ana Cláudia Dolores, diretora técnica e roteirista do documentário.

Já no dia 23, será discutida “A tecnologia e o combate à corrupção na atualidade – ferramentas e instrumentos que auxiliam o trabalho do procurador”. O painel pretende debater como era o trabalho do procurador na época em que ele investigou o Escândalo da Mandioca e como é hoje, com as ferramentas tecnológicas disponíveis e as garantias legais. Os palestrantes serão Dalva Almeida, subprocuradora-geral da República aposentada e autora do livro “O Escândalo da Mandioca”; Tiago Misael Martins, procurador da República e secretário adjunto da Secretaria de Perícia, Pesquisa e Análise (Sppea) da Procuradoria-Geral da República; e Alexandre Pimentel, juiz e professor de Direito da Unicap.

O caso - Pedro Jorge de Melo e Silva foi assassinado a tiros quando saía de uma padaria no bairro de Jardim Atlântico, em Olinda. O crime ocorreu após o procurador da República denunciar políticos e autoridades envolvidos em um dos maiores esquemas de desvio de recursos do Banco do Brasil para financiamento agrícola em Pernambuco, em valores atuais, de quase R$ 34 milhões.

Os empréstimos foram concedidos pela agência do Banco do Brasil no município de Floresta, no Sertão pernambucano, entre 1979 e 1981. Além de não plantar, os beneficiados pelo esquema forjavam que as safras tinham sido perdidas e recebiam os valores do seguro. Mesmo sofrendo ameaças de envolvidos na fraude, Pedro Jorge denunciou o crime. Ele também foi pressionado a abandonar o trabalho, tendo sido, inclusive, afastado por decisão superior, o que, naquele momento, era permitido na instituição.

O assassinato chocou o país e contribuiu para que fosse iniciado um amplo debate sobre a importância do Ministério Público para a sociedade e sobre as garantias necessárias para que os membros da instituição pudessem desenvolver um trabalho livre de pressões. Anos depois, com a Constituição Federal de 1988, foi estabelecida a garantia de independência funcional e a inamovibilidade aos membros do Ministério Público.

Confira aqui a programação completa dos seminários virtuais.

 

Visualizações:
103
Compartilhar

Aplicações Aninhadas

Expediente - Coluna 1

EXPEDIENTE

EDIÇÃO:
Paula Losada (1.652 DRT/PE)
Daniel França (3.1120 DRT/PE)
Dell Souza (6.869 DRT/PE)
Elano Lorenzato (2.781 DRT/PE)

SECRETARIA:
Dora Santana

PRODUÇÃO DE VÍDEO:
Luca Pacheco

Expediente - Coluna 2

REPÓRTER CINEMATOGRÁFICO:
Nildo Ferreira (2.052 DRT/PE)

DESIGNER:
Java Araújo

WEB DESIGNER E REDES SOCIAIS:
Kiko Secchim, SJ
Elano Lorenzato (2.781 DRT/PE)

Expediente - Coluna 3

REDAÇÃO E FOTOGRAFIA:
Carla Siqueira,
Júlia Farias,
Luíz Antonio Cardoso.
(estagiários)

CONTATO:
Rua do Príncipe, 526,
Bloco R, sala 117,
Boa Vista, Recife-PE.
Cep: 50050-900.
Telefone: (81) 2119.4010.
E-mail: assecom@unicap.br

Título Notícias Acontece na Unicap

Publicador de Conteúdos e Mídias

comnicado24-05-atualizado.jpeg

MANUTENÇÃO DAS AULAS REMOTAS

24/05/2020 - atualização A Universidade Católica de Pernambuco comunica que, diante da previsão da APAC de chuvas moderadas fortes à tarde e à noite...

24/05/2020 - atualização A Universidade Católica de Pernambuco comunica que, diante da previsão da APAC de chuvas...

WhatsApp Image 2022-05-23 at 19.44.54.jpeg

Egressos do MBA Digital Strategy publicam artigos no Brand Trends Journal

Dois alunos do MBA em Digital Strategy tiveram artigos veiculados na Revista Brand Trends Journal, publicação científica digital do Observatório das Marcas....

Dois alunos do MBA em Digital Strategy tiveram artigos veiculados na Revista Brand Trends Journal, publicação...

WhatsApp Image 2022-05-09 at 13.58.22.jpeg

Coordenador do PPGH recebe a visita do idealizador do Projeto História da Ditadura

O Coordenador do PPGH, Professor Helder Remigio, recebeu a visita de cortesia do historiador e idealizador do Projeto História da Ditadura, Paulo César Gomes...

O Coordenador do PPGH, Professor Helder Remigio, recebeu a visita de cortesia do historiador e idealizador do Projeto...

IMG_9426.jpg

Professor do curso de História escreve 12 verbetes para Dicionário sobre a Independência

O professor Flávio Cabral, da graduação e pós-graduação em História da Unicap, é um dos 276 pesquisadores de 11 países que escreveram 765 verbetes do...

O professor Flávio Cabral, da graduação e pós-graduação em História da Unicap, é um dos 276 pesquisadores de 11...