Ex-aluno de Administração trilha carreira de sucesso em banco suíço - Unicap

Título Notícias

null Ex-aluno de Administração trilha carreira de sucesso em banco suíço

Publicado Por: Daniel França

Quando Lucas Duarte começou a cursar engenharia em uma universidade pública do estado, ele mal poderia imaginar que seu sucesso profissional viria poucos anos depois em um dos maiores bancos de investimentos do mundo. A guinada começou quando ele mudou para o curso de Administração da Unicap. Apesar de jovem, hoje aos 25 anos, não foi um caminho fácil, nem rápido.

Lucas ainda tem muito forte na memória a colação de grau, em 2020.1, quando sua turma foi uma das primeiras a participar da solenidade de maneira remota, condição imposta pela pandemia. “Sempre gostei de administração, empreendedorismo e negócios”, conta ele ao relembrar as oportunidades de uma graduação muito bem aproveitada com direito a intercâmbio, experiência na Empresa Júnior e programas de trainees em multinacionais.  

“Optei por Administração pelas diversas possibilidades que o curso oferece”, relembra ele que chegou a cursar as duas graduações por um tempo, mas optou por Administração assim que surgiu a oportunidade de fazer estágio pela primeira vez numa empresa que presta serviço para o setor gráfico. Foram quatro meses na Solivetti Comércio e Serviços. A seleção foi feita pelo Bolsa Santander Universidades, que recruta estagiários para empresas clientes do banco.

Na sequência, Lucas foi para a Empresa Júnior onde ficou por oito meses fazendo parte de projetos na área de gestão e da reestruturação da organização. “É uma experiência que eu recomendo para quem quiser colocar em prática o que se aprende dentro da sala de aula, contato com cliente, prospectar. A própria cultura de ume Empresa Júnior é muito legal, muito interessante e dá um pouco de virada de chave naquele momento inicial de faculdade”, analisa ele ao se referir ao amadurecimento profissional.

Outro ponto de “virada” veio com o intercâmbio. Foram dois semestres na Universidade Católica do Portuguesa (UCP), no Porto, onde curiosamente as aulas eram em inglês. “Experiência incrível que me transformou tanto no âmbito acadêmico quanto no pessoal, agregou muito nos processos seletivos da minha vida profissional”. Vale destacar que a Unicap faz parte de uma rede internacional de cerca de 200 universidades católicas ao redor do mundo.

Na volta para a Pernambuco, Lucas só queria saber de se formar e se ‘jogar’ no mercado. Ele se matriculou semestralmente em sete disciplinas para adiantar a graduação, trabalhou na restruturação da empresa da família e depois começou a participar de processos seletivos. Uma verdadeira maratona de entrega de currículos, provas, dinâmicas de grupo e entrevistas.  

Faltando dois anos para acabar o curso, Lucas foi aprovado no programa de estágio na área comercial da Cielo, empresa de serviços financeiros de operações de cartões de crédito e débito onde trabalhou na prospecção e manutenção de clientes durante quatro meses. Logo depois veio a primeira multinacional: a Ernst & Young.

Na empresa global de auditoria sediada em Londres, o ex-aluno da Católica atuou como trainee e consultor na área de consultoria. “É uma área que sempre gostei, sempre quis ter na minha carreira. Sempre gostei de poder ajudar diversas empresas, diversos setores, de portes diferentes ao invés de estar numa empresa grande de um setor específico, de uma área específica. Gosto de ter essas diversas perspectivas do dia a dia, com uma visão holística da economia, acho muito interessante”. 

Depois, foi mais seis meses como consultor. E essa conquista não cabe numa frase. Durante o processo, Lucas (já formado) concorreu com algo entre 90 e 95 mil pessoas para assegurar uma das 120 vagas oferecidas pelos 14 escritórios da empresa no Brasil. Eram quatro vagas para o Recife e uma acabou ficando com Lucas Duarte. Ele concorreu com alunos com dois anos de outras graduações até profissionais com dois anos de formado, incluindo diversas áreas. 

Apesar da conquista, Lucas conta que sempre continuou proativo e com senso de oportunidade afiado. Um ano e meio depois, veio o processo seletivo do Credit Suisse com análise de currículo; nivelamento cultural; provas online de português, inglês, lógica, contabilidade; dinâmicas de grupo e entrevistas com o RH, gestores da área e o CEO da área de International Wealth Management do banco. 

No Credit Suisse, Lucas trabalha na área de consultoria para brasileiros que querem investir fora do país que desejam diversificar seu patrimônio. “É uma rotina corrida tanto na extensão quanto na intensidade. Você está ao lado de pessoas muito boas, é preciso se nivelar, dar sempre mais e melhor. Para isso é necessária muita dedicação, muita força de vontade. É preciso nunca ficar parado, desenvolver soft skills (conjunto de habilidades socioemocionais), saber lidar com nuances diárias entre as pessoas, fazer um mix de soft skills com hard skills. 

Ele avalia o curso como sendo uma área que oferece diversas possibilidades a longo prazo. “Administração nos abre as portas para o mundo, a gente pode fazer o que a gente quiser, dentro das áreas de gestão. Só depende da nossa capacidade de aprendizagem, de saber identificar e aproveitar essas oportunidades”, e continua afirmando que “outro benefício de Administração é a possibilidade de transição de carreira. Nós, como administradores, podemos trabalhar em diversas áreas e setores diferentes. É um dos principais pontos positivos da nossa graduação”. E ainda frisa uma característica crucial da vivência universitária: “O pilar principal que você pode fazer para o resto da sua vida é network”.

Lucas também destaca que Administração “é um curso para quem quer trabalhar, sempre tem que estar buscando evolução, entregar sempre mais do que é solicitado, claro que isso é para quem quer crescer, para quem quer algo mais na vida. A informação está mais democratizada, a gente consegue aprender o que a gente quiser na Internet. Quando não é de graça, é por um valor irrisório diante do conhecimento que você vai adquirir”.

Gostei.
Compartilhar

Aplicações Aninhadas

Expediente - Coluna 1

EXPEDIENTE

EDIÇÃO:
Paula Losada (1.652 DRT/PE)
Daniel França (3.1120 DRT/PE)
Dell Souza (6.869 DRT/PE)
Elano Lorenzato (2.781 DRT/PE)

SECRETARIA:
Dora Santana

PRODUÇÃO DE VÍDEO:
Luca Pacheco

Expediente - Coluna 2

REPÓRTER CINEMATOGRÁFICO:
Nildo Ferreira (2.052 DRT/PE)

DESIGNER:
Java Araújo

WEB DESIGNER E REDES SOCIAIS:
Kiko Secchim, SJ
Elano Lorenzato (2.781 DRT/PE)

Expediente - Coluna 3

REDAÇÃO E FOTOGRAFIA:
Carla Siqueira,
Júlia Farias,
Luíz Antonio Cardoso.
(estagiários)

CONTATO:
Rua do Príncipe, 526,
Bloco R, sala 117,
Boa Vista, Recife-PE.
Cep: 50050-900.
Telefone: (81) 2119.4010.
E-mail: assecom@unicap.br

Título Notícias Acontece na Unicap

Publicador de Conteúdos e Mídias

Seminário.jpeg

III Seminário “Espiritualidades Contemporâneas, Pluralidade Religiosa e Diálogo”

Desafios dos Fundamentalismos Recife – 17 a 19 de novembro de 2021   OBJETIVOS O III Seminário “Espiritualidades Contemporâneas, Pluralidade...

Desafios dos Fundamentalismos Recife – 17 a 19 de novembro de 2021   OBJETIVOS O III Seminário...

MESTRADOS-DOUTORADOS.jpg

Mesa Redonda - Mídia, discurso e ciência: vozes em conflito

No dia 25/09/2021, às 14h, será realizada a Mesa Redonda - Mídia, discurso e ciência: vozes em conflito, promovida pela Abralin. Acesso:...

No dia 25/09/2021, às 14h, será realizada a Mesa Redonda - Mídia, discurso e ciência: vozes em conflito, promovida...

DOCUMENTÁRIO EDITADA 3.jpg

DOCUMENTÁRIO

Objetivos: Geral: Situar o documentário, em sua historicidade, como um campo de práticas definido pela relação com a alteridade e fundado sobre preocupações...

Objetivos: Geral: Situar o documentário, em sua historicidade, como um campo de práticas definido pela relação com a...

curso videoclipe.jpg

VAMOS FAZER UM VIDEOCLIPE EXPERIMENTAL SOBRE O AMOR EM PORTUÑOL

Objetivos: Geral: - Experimentar o fazer artístico coletivo transdisciplinar com música e visualidade. Específicos: - Realizar um videoclipe experimental...

Objetivos: Geral: - Experimentar o fazer artístico coletivo transdisciplinar com música e visualidade. Específicos:...