Publicado Por: Alessandro Douglas

Washington, DC - A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) comunica sua decisão de aprovar o acordo de solução amistosa referente ao caso 13.776, Germán Eduardo Giraldo e Família da Colômbia, assinado em 9 de setembro de 2019, entre o Estado colombiano e o Corporação Coletiva de Advogados "José Alvear Restrepo", organização peticionária que representa as vítimas.

Em 19 de março de 2009, a CIDH recebeu uma petição apresentada pela firma Javier Leónidas Villegas Posada, que alegava a responsabilidade internacional do Estado colombiano pela detenção arbitrária e subsequente execução extrajudicial do Sr. Germán Eduardo Giraldo Agudelo, em 25 de dezembro Em janeiro de 1991, por um grupo de homens armados, vestidos com roupas civis, usando pulseiras representativas das autoridades policiais, enquanto ele estava na casa de sua irmã.

Posteriormente, em 12 de abril de 2019, as partes assinaram um ato de entendimento, que se concretizou com a assinatura de um acordo de solução amistosa em 9 de setembro de 2019. Em 16 de outubro de 2019, as partes apresentaram conjuntamente à Comissão um resumo sobre os progressos na implementação do acordo e solicitou sua aprovação.

Leia mais: http://www.oas.org/es/cidh/prensa/comunicados/2020/044.asp

Visualizações:
121
Compartilhar